Menú

El Periódico Extremadura | Quarta-Feira, 26 de septembro de 2018

Cáceres pilota um estudo sobre/em relação a um novo tratamento de hemodiálise

Neste ano se desenvolverá em 12 hospitais de tudo o país com uns 150 pacientes

REDACCIÓN CÁCERES
10/03/2018

 

El conselheiro de Saúde da Junta e presidente de Fundesalud, José María Vergeles, e o diretor-geral da Fundação Caixa da Extremadura, Antonio Franco, renovaram ontem o convénio pelo que se começará a desenvolver o estudo sobre/em relação a a hemodiálise progressiva em 12 hospitais espanhóis.

Após um ano de investigação, desenvolvida pelos médicos Javier Deira e Miguel Ángel Suárez, dos hospitais de Cáceres e Plasencia, respetivamente, o estudo começará a trabalhamos/trabalhámos agora com os pacientes de hemodiálise, aos que pode proporcionar «menos deslocações, menos efeitos secundários e maior qualidade de vida», afirma o conselheiro, para além de poupar ao sistema sanitário uns 17.000 euros ao ano por paciente.

Durante esta nova fase participarão mais de 150 usuários. A metade se submeterá a hemodiálise progressiva (uma ou duas vezes por semana) e o resto realizará o tratamento convencional (três vezes à semana) para comparar a eficácia de ambos métodos.

As notícias mais...