Menú

El Periódico Extremadura | Domingo, 19 de agosto de 2018

20 {€} por não beber de noite

Uma campanha de {FEBE}, a Câmara Municipal e a Uex ensina pautas para um consumo responsável de álcool e premeia com cheques-carburante a aqueles que dêem 0,0 nos controlos organizados na praça/vaga Maior

L. LUCEÑO caceres@extremadura.elperiodico.com CÁCERES
11/06/2018

 

Vinte e cinco jovens cacerenhos receberam às três da madrugada do passado 24 de Maio um cheque presente com 20 {€} para gasolina. ¿Porque é que? Por não ter bebido um bocadinho de álcool em toda a noite. A iniciativa faz parte da ação desenvolvida por A Federação Espanhola de Bebidas {Espirituosas} ({FEBE}), a Câmara Municipal de Cáceres e a Universidad de Extremadura, com o fim de dar pautas e ferramentas para uma ingesta moderada de álcool, e evitar os excessos.

«{Promovemos} o consumo responsável na população adulta, que deve ser 0,0 entre os coletivos de risco como menores, grávida e pessoas que vão a pôr-se ao volante», explicam a este diário/jornal desde o gabinete de comunicação de {FEBE} em Madrid, que repetirá esta experiência em Cáceres e de facto já se apresenta o mês de Outubro como próxima data.

A iniciativa tem girado em torno de dois jornadas. Durante a primeira, {FEBE} tem dado formação a 40 estudantes de terceiro curso do grau/curso universitário de Educação Social da Universidad de Extremadura, com orientações para realizar um consumo responsável de álcool. Estas pautas recomendam não ingerir mais de 30 gramas diários/jornais em homens e 20 gramas em mulheres, descansando dois dias à semana. Mas sobretudo, {FEBE} aconselha {extremar} as precauções em circunstâncias como a condução.

Os universitários têm aprendido que é o álcool, seus efeitos no organismo, seus aspetos biológicos e físicos, e os mitos existentes sobre/em relação a seu consumo. Mas sobretudo, através de esta jornada, os jovens não só/sozinho se têm consciencializado, «mas para além disso tornaram-se em divulgadores e prescritores ideais destes mensagens para fazê-los chegar a seus companheiros, e gerar entre eles comportamentos responsáveis», indicam desde {FEBE}. Desta maneira, a mensagem positivo se {amplifica} a modo de altifalante.

E para fomentar tal efeito, se tem organizado uma segunda jornada, denominada ‘{Noc}-turnos’, que promove o consumo 0,0 antes de conduzir e a figura do condutor alternativo, de modo que os jovens se acostumem a escolher a alguém dentro do grupo de amigos que se comprometa a não beber para levar o carro. Concretamente, a campanha se desenvolveu entre as 23.00 horas e as 3.00 da madrugada do última quinta-feira de Maio, num stand localizado na praça/vaga Maior.

Dez estudantes voluntários dos que se tinham formado na jornada do campus, divulgaram o sentido da iniciativa entre os jovens que usufruíam da noite na zona. Um total de vinte e cinco se ofereceram a superar o repto/objetivo: submeter-se a contínuos controlos de alcoolemia durante a madrugada, para demonstrar que existe diversão sem álcool, e que não passa nada se temos de abster-se por circunstâncias como a condução.

Todos os jovens conseguiram ir selando o passaporte entregue para a ocasião, sem marcar um ápice de álcool nos controlos realizados a diferentes horas. De presente, 20 {€} em carburante que eles sim poderão usufruir com total segurança ao volante.

As notícias mais...