Menú

El Periódico Extremadura | Domingo, 25 de fevereiro de 2018

Queixas em Basco Núñez pelos contínuos estouros na rede de água potável

A última rotura/quebra, ontem, deixou sem fornecimento a várias ruas de ambiente

REDACCIÓN BADAJOZ
13/02/2018

 

A rotura/quebra duma tubagem da rede de abastecimento na esquina da rua Basco Núñez com {Dosma} deixou ontem sem fornecimento durante várias horas, para além das os vizinhos/moradores destas vias, aos da rua {Cisma}, Santo Domingo e a praça/vaga de Portugal, segundo confirmaram fontes de Aqualia.

Os estouros na rua Basco Núñez são «contínuos», segundo denunciam os afetados, que só/sozinho desde setembro até ontem têm contabilizado até sete incidentes similares. Segundo a empresa concessionária do serviço de água, as roturas/quebras são «fortuitas» e se devem à antiguidade das conduções. Os vizinhos/moradores e empresários da zona se queixam dos transtornos e prejuízos que lhe causam as contínuas avarias, pelo que urgem à Câmara Municipal que se dê uma solução definitiva a este problema.

O estouro de ontem se produziu sobre/em relação a as sete da manhã e os trabalhos para substituir o troço de tubagem afetado, de {fibrocemento}, por outro de {polietileno} se prolongaram durante toda a amanhã. Segundo informou Aqualia, sobre/em relação a as três da tarde se restabeleceu o fornecimento na rua {Dosma} e o troço desde a rua {Cisma} a Santo Domingo, enquanto seguiram/continuaram realizando reparações para que o serviço voltasse à normalidade no troço entre a rua {Dosma} e a praça/vaga de Portugal, onde os vizinhos/moradores pudessem dispor de água de novo à volta de as sete da tarde.

As notícias mais...