+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

El Meiac expone un centenar de creaciones inéditas de Juan Barjola

 

El Meiac expone un centenar de creaciones inéditas de Juan Barjola - EL PERIÓDICO

23/02/2020

El {Museo} {Extremeño} e {Iberoamericano} de {Arte} {Contemporáneo} (Meiac) de Badajoz alberga a mostra A violência do destino, uma exposição de desenhos e óleos de Juan Barjola que pertencem à coleção do próprio museu e que foram doados por José Antonio Galea, filho do artista. A exposição está composta por mais de um centenar de obras, criações de carácter inédito, dado que se trata da primeira vez que são expostas ao público. Junto a elas, se oferece além disso uma seleção de obras {pictóricas} de Barjola que pertencem aos fundos do Meiac. Com esta exposição se pretende difundir e oferecer não só/sozinho a doação, mas também a figura e a obra de um autor da talha do artista de Torre de Miguel Sesmero, do qual em 2019 se cumpria o centenário de seu nascimento. José Antonio Galea Fernández doou ao Meiac 215 desenhos realizados em grafite e tinta-da-china. A doação incluiu também as 33 obras que tinham sido depositadas pelo autor em 1995, por ocasião da inauguração deste museu extremenho.