Menú

El Periódico Extremadura | Terça-Feira, 17 de julho de 2018

O fiscal pede 6 anos e 6 meses para um homem acusado/arguido de traficar com drogas

Solicita 4,5 anos para dois inculpadas por levar droga à cadeia

F. L.
11/01/2018

 

A Audiência de Badajoz tem previsto julgar hoje dois casos de alegados delitos sobre/em relação a substâncias nocivas para a saúde, com um acusado/arguido o primeiro e dois inculpadas o segundo. No primeiro, a Procuradoria solicita em suas conclusões provisórias para R. P. L. 6 anos e 6 meses de prisão e uma multa de 15.000 euros, por ter encontrado a polícia num bar com o que o relaciona 395 gramas de haxixe, algo mais de 5 cocaína e um de heroína, após registar também seu domicílio familiar.

A defesa, que leva Miguel Ángel Trigo, solicita a absolvição pois o acusado/arguido não era titular do bar nem se encontrava nele quando se efetuou o registo, rejeitando a agravante de reincidência que propõe o fiscal.

Do mesmo modo, o Ministério Público pede 4 anos e 6 meses para R. Ou. S. e L. C. C., como responsáveis de ter introduzido 12 {bolsitas} de cocaína no interior de umas sapatilhas de desportos em prisão durante a visita da primeira a um primo seu, quem se o pediu dizendole que se as daria uma amiga.

Do mesmo modo, ambas negam que tivessem conhecimento de que as sapatilhas levassem a citada droga em seu interior, segundo manifestaram os letrados de suas defesas, Alfredo Pereira --de R. Ou. S.-- e Enrique González de Vallejo --de L. C. C.--. Neste casos, os dois solicitam a livre absolvição de suas patrocinadas, segundo manifestaram a este diário/jornal.

As notícias mais...