Menú

El Periódico Extremadura | Sexta-Feira, 19 de janeiro de 2018

Uma mulher se recupera após ser atropelada num passo de zebra

A vítima sofreu uma fratura {costal} e {contunsiones} e foi transferida ao hospital. O condutor do carro assegura que não se {percató} de que estava cruzando

RODRIGO CABEZAS prov-badajoz@extremadura.elperiodico.com ALMENDRALEJO
10/01/2018

 

Uma vizinha de Almendralejo, de 45 anos, se recupera no hospital Terra de Lamas das feridas que lhe produziu um atropelamento acontecido ontem à primeira hora da manhã quando tratava de cruzar a avenida Presidente Juan Carlos Rodríguez Ibarra (antiga estrada de {Sevilla}) através de um passo de peões. A mulher foi atropelada por um Ford Escort sofrendo uma fratura {costal} e diversas contusões em todo o corpo, provocando alarma e minutos de nervosismo aos viandantes que estavam por ali perto.

Os factos/feitos aconteceram poucos minutos antes das oito da manhã quando a mulher atravessava a via à altura do número 147. O homem que conduzia o veículo levava a seus filhos ao colégio e assegura que não se {percató} da mulher que cruzava a rua, segundo contaram fontes da policia municipal à agência Efe.

Após o atropelamento, menos grave do que parecia num princípio, a vítima, que se encontrava consciente, foi atendida em primeiro lugar no lugar dos factos/feitos por uma ambulância de suporte vitalista básico que, posteriormente, a transferiu ao hospital Terra de Lamas.

O veículo tem sofrido danos importantes com o estouro da lua dianteira fruto do impacto com o corpo da mulher, embora a policia municipal suspeita que a velocidade não era excessiva ao não ter sido deslocada em excesso após o golpe, algo que tem evitado um desenlace mais trágico.

PRECAUÇÃO / Precisamente, desde há tempo, policia municipal e vizinhos/moradores estão reclamando aos condutores que se {extremen} as medidas de precaução na antiga estrada de {Sevilla}, já que é uma via muito reta e longa na qual se estende a aumentar a velocidade e pôr em risco aos peões, aos que mesmo atravessam a avenida pelos passos de peões.

Também se insta a que os peões utilizem os passos de zebra que há em toda a avenida e que, mesmo fazendo-o, se assegurem para evitar acidentes.

As notícias mais...