Menú

El Periódico Extremadura | Terça-Feira, 26 de septembro de 2017

A sala de aula para autistas do Antonio Machado completa todas as praças/vagas

A classe ‘Pompas’ nasceu o ano passado e já se têm ocupado suas seis vagas. Educação outorga a este centralismo uma unidade mais para segundo de primária

RODRIGO CABEZAS prov-badajoz@extremadura.elperiodico.com ALMENDRALEJO
12/09/2017

 

A Escola Público Antonio Machado baterá neste ano recorde de alunos em seu centro e fá-lo-á por vários motivos. Um deles é a cobertura total das seis praças/vagas da nova sala de aula especializando em atenção à diversidade para alunos com transtorno do espectro autista ({TEA}), isto é, para meninos que têm autismo. O projeto nasceu o ano passado com a criação de ‘Pompas’, sala de aula destinando a esta matéria. Foram quatro alunos os que começaram a trabalhamos/trabalhámos ali, mas neste ano já se tem completado a quota de seis praças/vagas. A Escola Antonio Machado é o único que dispõe destas praças/vagas na cidade e é um dos poucos em toda a província de Badajoz, embora a conselheria de Educação está implantando cada vez mais salas de aula {especializas} em {TEA} pelo crescente número de meninos diagnosticados com este transtorno.

Neste projeto trabalham Pilar Guisado, professora de Audição e Linguagem; Ana Gutiérrez, profissional de Pedagogia Terapêutica e Lola Cano, auxiliar educativa. Em linhas gerais, procuram uma melhor interação e comunicação dos alunos com seu ambiente social.

Por outro lado, Educação tem autorizado ao colégio Antonio Machado, a pedido da inspeção educativa, contar com uma unidade escolar mais no segundo curso de primária, onde existia um máximo na rátio com classes que roçavam os 30 alunos. Graças a esta nova sala de aula, a rátio descerá a classes de 19 alunos e se solucionará o problema de que algumas famílias que vêm de fora de Almendralejo possam escolarizar neste centro a seus filhos. Também serve para recolocar a outros alunos que se ficaram fora noutros centros.

Será a vez na história que mais alunos tenha neste colégio com 530, agrupados em 15 unidades e atendidos por 37 professores. Além disso, desde há tempo, o Antonio Machado é um das escolas que mais avançado tem o bilinguismo. Neste ano se porá em marcha nas 15 unidades escolaridades que têm desde primeiro a sexto de primária. {Félix} {Zambrano}, diretor do centro, assinala que «o trabalho que estamos fazendo com o inglês está a ser uma das coisas que mais incentiva às famílias para que tragam aqui a seus filhos». Há sete professores de inglês na escola. O centro também está imerso num plano leitor para os seus alunos «e estamos continuamente re-estruturando o pessoal, com professores multifacetados e mudando o perfil do professorado para adaptá-lo ao projeto educativo». {Zambrano} também destaca o trabalho dos professores para integrar e combinar o ensino com as novas tecnologias.

Sala de jantar/ Por outro lado, desde a escola Antonio Machado seguem/continuam à espera de novas notícias sobre/em relação a o cantina escolar que vai-se a implantar no centro. O investimento foi aprovada pela Junta de Extremadura e suporá um investimento de 250.000 euros. A direção diz não saber nada ainda do sala de jantar, apesar de que o anúncio de sua aprovação se fez ao mesmo tempo que as obras do {IES} Santiago Apóstol e da escola {Espronceda}. O novo sala de jantar aumentaria de 70 a 80 praças/vagas o já existente, para além de contar com mobiliário novo.

As notícias mais...