Menú

El Periódico Extremadura | Domingo, 21 de outubro de 2018

Pedem reuniões com o {Sepad} e {Vergeles} para evitar o fecho do centro de dia

REDACCIÓN ALMENDRALEJO
25/05/2018

 

Os afetados pelo iminente fecho do centro de dia a Cruz Vermelha querem reunir-se com o {Sepad} para procurar soluções e evitar um encerramento/encerra que poderia deixar sem trabalho a cinco pessoas e sem atenção a 17 usuários.

A reunião seria com a diretora do {Sepad} e necessitam que seja urgente. Do mesmo modo, a equipa de governo municipal também tem solicitado uma reunião com o conselheiro de Saúde e Políticas Sociais, José María Vergeles, para tratar o tema.

Assinalar também que membros da Câmara Municipal têm podido reunir-se nesta semana com os afetados e familiares dos usuários, enquanto a Câmara Municipal espera a resposta da Junta para saber se fazer mais força na próxima sessão plenária.

Foi na semana passada quando Cruz Roja anunciou o fecho deste centro situado junto ao parque de São José para o 30 de Junho. Entre os motivos, a diminuição das subsídios concedidos pela Junta e as ajudas que chegavam da distribuição do IRPF.

Nos últimos anos, tinha descido de maneira importante o número de praças/vagas ocupadas no centro de dia. De facto tem um máximo de 30 praças/vagas e só/sozinho há 17 usuários. O coordenador provincial a Cruz Vermelha, José Antonio Grajera, admite que a Junta era conhecedora desta má situação.

As notícias mais...