+
Accede a tu cuenta

 

O accede con tus datos de Usuario El Periódico Extremadura:

Recordarme

Puedes recuperar tu contraseña o registrarte

 
 
 

«Carolina, {trátame} bem...»

Almendralejo se converte na primeira cidade espanhola que usa a inteligência artificial para processos administrativos de início a fim H As consultas poderão fazer-se de imediato por qualquer rede social

 

Carolina 8 La empregada virtual do Câmara Municipal de Almendralejo para seus cidadãos. - {EP}

RODRIGO CABEZAS
17/01/2020

Pagar uma taxa municipal, alugar uma pista de ténis, consultar uma bolsa de emprego, alertar de lixo na porta de teu casa, comprar bilhetes para o teatro ou, mesmo, fazer-lhe uma fatura à Câmara Municipal. Tudo isso te pode resolver, em apenas vários {clicks}, Carolina, a nova assistente funcionária virtual da Câmara Municipal de Almendralejo que estará disponível, de maneira {omnicanal}, em todas as redes sociais mais utilizadas pelo público.

Almendralejo se sobe assim ao carroça da inteligência artificial e se converte, com a criação de Carolina, no primeiro município de Espanha que oferece a seus vizinhos/moradores a possibilidade de gerir trâmites municipais desde/a partir de o início até seu fim. Os encarregados de fazê-lo possível foram a empresa Sílica, uma entidade nascida faz muito tempo em Almendralejo e dedicada à inovação tecnológica. Até à data, sua principal rede de atuação tinha sido América Latina, onde levaram a cabo mais de 400 projetos de inteligência artificial. Agora, com este primeiro passo em Almendralejo e outro projeto piloto que desenvolvem para a Junta de Extremadura, querem dar o salto em Espanha.

Em todas as redes

O grande repto/objetivo deste projeto é criar uma plataforma multimédia/meia onde os vizinhos/moradores de Almendralejo possam fazer, desde/a partir de um dispositivo telemóvel e em qualquer parte do mundo, qualquer trâmites com seu Câmara Municipal. Atualmente, Carolina está conetada de maneira {omnicanal} pela web da Câmara Municipal, {Whatsapp}, Twitter e Facebook, embora pode implementar-se noutros canais mais como {Telegram} ou correio electrónico.

Graças a esta empregada funcionária virtual, qualquer cidadão pode fazer centenas de gestões a qualquer hora do dia, os 365 dias do ano.

Em matéria de limpeza, está conetada à brigada de resposta rápida, alargando agora mais canais de incidência. Assim, Carolina pode gerir em matéria de polícia a possibilidade de dar informação sobre/em relação a cães perigosos, cartões de deficientes, consulta sobre/em relação a horários de cemitério ou lixo, ou informação de veículos abandonados.

Adiantará encontros prévios para um serviço muito {congestionado} como é o censo da escritório de atenção ao cidadão. Em tesouraria, poderá dar informação ao instante ao usuário sobre/em relação a como criar um alta a terceiros, pagar taxas municipais ou apresentar uma fatura à Câmara Municipal. Também proporciona informação sobre/em relação a a mais-valia e oferece a opção de pagar recibos de taxas municipais ou, mesmo, domiciliá-los.

Em matéria de turismo, informará sobre/em relação a os horários para aceder aos monumentos da cidade e poderá reservar encontros para visitar a jazida de {Huerta} Montero, a praça de touros ou um percurso/percorrido pela zona centro. Também, informará sobre/em relação a os oficinas da Universidad Popular e a programação do teatro Carolina Coronado.

Alugar a pista de futsal e pagá-la, concertar encontros com o presidente da Câmara Municipal ou os vereadores, conhecer planos de {empredimiento} e um sem-fim de gestões mais pode resolver-te-la agora Carolina, cujo nome faz honra, naturalmente, a Carolina Coronado.

«Igual que antes {preguntábamos} a {Siri} e hoje em dia podemos falar com {Alexa}, nós teremos a Carolina para poder/conseguir interagir com nosso Câmara Municipal», diz Sergio Albano, um dos criadores do projeto junto a Juan Blanco.